A primeira papinha do bebê

Por Betina Ettrich, nutricionista do Nasce

Quando o assunto é “a primeira papinha do meu bebê”, geralmente aparecem muitas dúvidas que causam ansiedade nas mães. Com razão, pois a introdução da alimentação complementar é um marco importante na vida e requer certa dedicação dos pais e/ou cuidadores. Estudos comprovam que a alimentação da criança desde o nascimento e nos primeiros anos de vida tem repercussões ao longo de toda a vida do indivíduo.

email (1)

Desde 2001, a Organização Mundial de Saúde recomenda que os alimentos complementares sejam oferecidos a partir dos 6 meses de idade. Isso porque a partir dos 6 meses as necessidades nutricionais do lactente não podem ser supridas apenas pelo leite humano e a maioria das crianças atinge um estágio de desenvolvimento geral e neurológico (mastigação, deglutição, digestão e excreção) que a habilita a receber outros alimentos que não o leite materno.

Alimentos complementares são quaisquer alimentos, que não o leite humano, oferecidos à criança amamentada. No início, os alimentos oferecidos ao bebê devem ser preparados especialmente para ele. E somente a partir dos 8 meses de vida poderemos ir modificando a alimentação aos poucos até atingir a alimentação da família aos 12 meses.

O ideal é escolhermos a cada dia um novo alimento de cada grupo alimentar para compor as papas do bebê. No início, os alimentos devem ser bem amassados e não devemos liquidificá-los nem peneirá-los. A recomendação é nunca fazer uma “sopa”, pois diminui a densidade energética da refeição do bebê (ou seja, teremos menos nutrientes em um volume maior).

Somente uma dieta variada assegura o suprimento dos nutrientes importantes para o crescimento e desenvolvimento da criança e favorece a formação de bons hábitos alimentares desde o início da vida.

Começo com fruta? Como eu monto a papa salgada? E quando começa a comida? Preciso dar água? Essas e outras dúvidas serão esclarecidas e orientadas no nosso Workshop de Papinhas, no dia 20/08, aqui no Nasce.

Inscrições e mais informações pelo telefone: (51) 3334 4503.

Anúncios

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escreva seu endereço de email para receber atualizações.

Junte-se a 1.177 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: