Como evitar a mastite?

Amamentar é naturalmente lindo e um verdadeiro ato de amor. Mas algumas mulheres podem desenvolver uma inflamação na mama, que provoca o surgimento de sintomas como dor, inchaço ou vermelhidão. Conhecida como mastite, a enfermidade acontece devido ao entupimento dos canais por onde passa o leite.

02 - blog

A mastite tem cura e o seu tratamento deve ser iniciado o mais cedo possível para evitar possíveis infecções. Normalmente é recomendado repouso e o esvaziamento frequente da mama com o auxílio de uma bomba. Em casos mais graves os tratamentos variam com o uso de antibióticos e anti-inflamatórios.

A melhor maneira de evitar a mastite é garantir que o seu filho sugue corretamente o leite. Para isso ofereça uma mama ao bebê e, só depois de estar vazia, ofereça a outra, alternando na mamada seguinte. Além disso, procure usar sutiãs e roupas de algodão que não apertem muito. Isso vai evitar a pressão nas mamas e prevenir o desenvolvimento de bactérias. Descanse bastante e mantenha uma alimentação saudável.

A mastite é mais comum entre as mães de primeira viagem, isso porque ela e o bebê ainda estão aprendendo como funciona o processo de aleitamento. É importante que você saiba que, mesmo sentindo dor, é necessário continuar amamentando para que o bebê consiga retirar o máximo de leite possível do seio. Para aliviar a dor, antes de cada mamada, aplique compressas quentes nas mamas. E lembre-se, ao perceber os primeiros sinais da mastite, procure imediatamente um ginecologista.

Anúncios

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escreva seu endereço de email para receber atualizações.

Junte-se a 1.178 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: