Depressão pós-parto pode prejudicar o bebê

Muitas mulheres já passaram por isso e esse sintoma também preocupa as gestantes. Afinal, o que causa a depressão após o parto? A depressão pós-parto (DPP) é um distúrbio que possui sérias implicações para a saúde da mãe e para o bebê. A DPP pode ocorrer independente de problemas na gestação ou parto. A deficiência hormonal, histórico depressivo, gravidez não desejada, problemas ao longo dos 9 meses são as principais causas que podem contribuir para a depressão pós-parto. Se os sintomas de tristeza profunda forem se agravando com o passar do tempo, começando em torno do terceiro dia após o nascimento do bebê alcanço o ápice próximo do décimo, fique de alerta. Além de impossibilitar a vida normal da mãe no dia a dia, como realizar tarefas corriqueiras e cuidar da criança, a DPP pode trazer mais problemas do que o imaginado.

Uma preocupação maior foi apontada numa recente pesquisa da Universidade de São Paulo. De acordo com o estudo, a taxa de depressão pode afetar o desenvolvimento das crianças. Além disso, esse sintoma no pós-parto em hospital público da capital paulista é maior que média mundial. Os resultados do estudo indicam que, no primeiro ano de vida, os filhos das mães deprimidas apresentavam prejuízos no desenvolvimento.

Mulheres que desenvolvem esse distúrbio podem não se sentirem capazes o suficiente para educar a criança e as crianças podem buscar menos a atenção da mãe, apresentando, com o passar dos meses, um desenvolvimento motor inferior.

Fonte: Interação mãe-bebê: depressão pós-parto como um fator de risco para o desenvolvimento

Anúncios

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escreva seu endereço de email para receber atualizações.

Junte-se a 1.178 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: