Pré-Natal Odontológico

Você sabia que dentes não ficam fracos durante a gravidez?

O organismo da gestante não utiliza o cálcio dos dentes para formação do seu bebê.

Beautiful young woman with three different types of toothbrushes

O Dr. Rafael Pocztaruk explica que a necessidade de cálcio na gestante realmente dobra (para a formação do feto), e com as alterações hormonais, mudança de hábitos alimentares, algumas vezes (quando há carência de minerais), o organismo da gestante retira o cálcio e os minerais dos seus ossos para usá-los na formação dos ossos do bebê. Daí a importância de uma dieta bem equilibrada durante esta fase, rica em todos os minerais.

Fatores desfavoráveis durante a gravidez como carência nutricional, infecções e algumas medicações em excesso podem influenciar para uma má formação e mineralização dos dentes do futuro bebê.

E para suprir as necessidades do feto, a grávida deve optar por alimentos ricos em minerais como queijo, leite e peixe. Assim, uma dieta equilibrada, rica em fósforo, cálcio e vitaminas A, C e D, nutre o bebê e proporciona um desenvolvimento saudável.

Portanto, os dentes não ficam com menos cálcio, não ficam fracos, nem quebram porque a mulher está grávida.

O que geralmente acontece, como já falamos, é que a gestante muda muito seus hábitos alimentares, passa a comer mais, têm desejos inusitados de doces ou alimentos com alto teor de açúcar, entretanto a higiene bucal continua a mesma de quando não estava grávida.

Essa alteração dos hábitos alimentares, o aumento na freqüência de ingestão de alimentos cariogênicos (com alto teor de açúcares) e a deficiência na higiene bucal aliados a todos os fatores de alterações durante a gestação facilita a erosão ácida e a atividade cariogênica mais severas. Daí a impressão de que os dentes estão mais fracos.

Sangramento espontâneo ou quando passa o fio dental, dor, gengivas coçando ou inchadas, mau hálito, dentes maiores que o normal, dentes quebrando “do nada” e cáries repentinas podem ser sinais de que você tem doenças bucais e está colocando em risco a sua saúde, a do seu bebê e a do seu companheiro, já que são doenças bacterianas e as bactérias passam da sua boca para a do seu parceiro.

A gravidez não é a responsável pelo aparecimento repentino de cáries, pelas doenças periodontais e nem pela perda dos dentes. Além disso, a gravidez não impede que você cuide da sua saúde bucal caso sinta qualquer sintoma diferente do normal durante a gestação.

Problemas com os dentes e as gengivas da gestante indicam que alguma coisa não vai bem!
Se a saúde da mãe não está em perfeita condição, toda a formação do bebê estará comprometida, desde a formação óssea à dentição e paladar, desenvolvimento, até provocar o aborto ou nascimento prematuro.

Vamos cuidar da Saúde Bucal e ter uma Gestação de Saúde Integral!

Venha tirar suas dúvidas com um profissional especialista nessa área e
aprenda a cuidar da melhor forma possível
da vida que está nascendo e crescendo dentro de você!
www.doutorrafael.com.br
Saiba mais: Gestantes – Doutor Rafael

Anúncios

O que você acha disso?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escreva seu endereço de email para receber atualizações.

Junte-se a 1.175 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: